Voltaço perde para o Tupi-MG

VRExTUP - Pedro Borges

O Volta Redonda perdeu, por 3 a 2, para o Tupi-MG, em partida realizada na tarde deste sábado, dia 2, no estádio Raulino de Oliveira. Dija Baiano e Bruno Barra marcaram para o Esquadrão de Aço. Patrick, duas vezes, e João Vitor anotaram para os visitantes.

Com o resultado, o Voltaço se mantém na oitava colocação do grupo B, com nove pontos ganhos. Na próxima rodada, o Tricolor visita o Joinville. O confronto será na próxima segunda-feira, dia 11, às 21h15, na Arena Joinville.

 

O jogo

O Voltaço começou pressionando o Tupi-MG e não demorou a abrir o placar. Romarinho descolou belo lançamento para Diego Maia, que cruzou na medida para Dija Baiano. O camisa 7 dominou e mandou para o fundo das redes, abrindo o placar aos 12 minutos. Após o gol, o Esquadrão de Aço seguiu pressionando e quase chegou ao segundo com Bruno Barra, em chute da entrada da área. Porém, a primeira etapa terminou 1 a 0 para o Tricolor.

Na volta do intervalo, o jogo ganhou em emoção. Aos cinco minutos, Patrick empatou a partida para os donos da casa. O gol não abalou o Voltaço que se mandou em busca do segundo, que não saiu por capricho. Vinícius Pacheco encontrou Dija Baiano na área, que tocou para Núbio Flávio. O atacante bateu para o gol e o goleiro adversário fez a defesa, no rebote, Núbio bateu novamente para o gol, mas a bola bateu na trave e saiu.

De tanto pressionar, o Voltaço conseguiu marcar. Aos 30 minutos, João Guilherme tocou para Bruno Barra, que ganhou do adversário na velocidade e bateu para o gol, colocando novamente o Voltaço na frente do placar.

Quando a vitória tricolor parecia certa, o Tupi-MG virou o jogo. Aos 45 minutos, João Vitor, de pênalti, empatou o jogo. Já aos 49, Patrick bateu colocado para marcar o terceiro e decretar a vitória dos visitantes. Fim de jogo no Raulino de Oliveira: Volta Redonda 2×3 Tupi-MG.

 

Campeonato Brasileiro da Série C – 8ª rodada

Volta Redonda 2×3 Tupi-MG

(02/06/18 – Estádio Raulino de Oliveira – 16h)

 

Volta Redonda: Douglas Borges; Luís Gustavo, João Guilherme, Roger e Diego Maia; Bruno Barra, João Cleriston e Rodrigo Andrade (Vinícius Pacheco); Dija Baiano, Romarinho (Luã Lúcio) e Núbio Flávio (Jhulliam). Técnico: Marcelo Salles.

Gols: Dija Baiano e Bruno Barra (VRE); Patrick (2) e João Vitor (Tup)

Cartão amarelo: Dija Baiano e Luís Gustavo

Público: 893 presentes ( 493 pagantes)

Renda: RS 5.010,00

Pedro Borges

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *