Voltaço negocia ida de dois atletas do sub-15 para o Atlético-MG

Arquivo pessoal

O Volta Redonda acertou a ida de dois atletas da equipe sub-15 para as categorias de base do Atlético-MG. O volante Ramon e o meia Pedro, ambos de 15 anos, foram liberados e já se apresentaram no novo clube. Segundo o vice de futebol do Esquadrão de Aço, Flávio Horta Júnior, o interesse da equipe mineira começou após os atletas se destacarem na VRCup, competição organizada pelo Voltaço no início do ano.

Sobre a negociação entre os times, o diretor destaca que ela só foi finalizada após o Atlético-MG aceitar todas as exigências impostas pela diretoria tricolor. Dentre elas, que o Volta Redonda permaneça com grande parte dos direitos econômicos dos atletas quando os mesmos forem profissionalizados.

– Sabemos que quando acontece a investida de um clube grande é praticamente impossível manter o jogador, porém, temos sido muito rigorosos para liberar os nossos atletas das categorias de base. Precisamos cuidar para que o Voltaço seja recompensado financeiramente no futuro, em uma eventual venda, e assim foi feito com o Pedro e o Ramon, até porque não pode haver negociação entre jogadores dessa idade – explicou o diretor, que ainda fez questão de elogiar a maneira como a direção do Atlético-MG conduziu a negociação.

– Temos que destacar também a lisura e o respeito que os dirigentes do Galo trataram do assunto, sempre respeitando o Volta Redonda. Em momento algum forçaram a barra ou instigaram os jogadores. No fim, entenderam nossas ponderações, o que viabilizou o acerto. São atletas com bastante potencial e desejamos muita sorte para eles no futuro – completou.

Flávio ainda falou sobre os investimentos das categorias de base do clube. Segundo ele, os primeiros frutos já começaram a aparecer. Como, por exemplo, o zagueiro Gilberto, o volante Pablo e os atacantes Gustavo e Luã Lúcio, que vieram da base e integram o elenco que disputa a Série C do Campeonato Brasileiro.

– Temos certeza que estamos no caminho certo. O investimento nas categorias de base é silencioso e a médio prazo, mas que com o tempo os resultados vão começar a aparecer – afirmou.

 

Foto: Arquivo Pessoal

Pedro Borges

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *