Voltaço goleia, é campeão invicto da Série D e levanta o primeiro título nacional de 2016

Foto: Dalila Almeida

“Entra em campo o Esquadrão de Aço. Equipe do Voltaço. Fundado em 76, seus atletas estão lutando pela vez”. E ela chegou! O Volta Redonda foi campeão invicto da Série D do Campeonato Brasileiro. O título veio após uma goleada pra cima do CSA-AL, por 4 a 0, na segunda partida da final. Dija Baiano, Marcos Júnior, duas vezes, e David Batista marcaram os gols da vitória tricolor.

“ÔÔÔ, Vai pra cima deles, Taço.” Esse foi o grito da torcida fora das quatro linhas. Dentro dela, os jogadores atendiam e pressionavam o adversário. Pressão que não demorou a dar resultado. Aos 26 minutos, Marcelo descolou belo lançamento para Dija Baiano, que invadiu a área e bateu na saída de Pantera, abrindo o placar no Raulino de Oliveira.

E a noite era mesmo do garçom Marcelo. O camisa 10 tricolor cruzou na medida para Marcos Júnior cabecear para o fundo das redes, marcando o segundo aos 30 minutos. A pressão seguiu e, antes do fim do primeiro tempo, David Batista ainda apareceu para deixar o seu. O atacante aproveitou falha do goleiro adversário e marcou o terceiro do Tricolor de Aço, aos 38 minutos, fechando o placar da primeira etapa.

Se no primeiro tempo o show foi dos jogadores dentro de campo. Nos 45 minutos finais, a festa ficou por conta da torcida. Os quase oito mil torcedores fizeram o seu show particular nas arquibancadas do Raulino de Oliveira. E, para premiar, Marcos Júnior aproveitou cruzamento de Cristiano e apareceu para fechar a goleada tricolor, aos 22 minutos.  Fim de jogo no Raulino de Oliveira: Volta Redonda , campeão invicto da Série D do Campeonato Brasileiro de 2016, 4×0 CSA-AL.

 

Campeonato Brasileiro Série D – 2º jogo da final

Volta Redonda 4 x 0 CSA-AL

(01/10/16 – Estádio Raulino de Oliveira – 21h)

 

Volta Redonda: Mota; Osmar, Daniel Felipe, Gilberto e Cristiano; João Cleriston, Marcelo e Marcos Júnior (Luís Gustavo); Rafael Pernão, Dija Baiano e David Batista (Michel Cury). Técnico: Felipe Surian.

Cartão Amarelos: Cristiano, Dija Baiano.

Público: 7.848 presente (6.748 pagantes)

Gols: Dija Baiano, Marcos Júnior (2) e David Batista.

Foto: Dalila Almeida

Sub-14 do Voltaço conquista a 4° Copa Asvale Nacional de Futebol

IMG-20160724-WA0046

A equipe sub-14 do Volta Redonda conquistou o título da 4° Copa Asvale Nacional de Futebol, realizada na cidade de Divino, em Minas Gerais.

A decisão do torneio aconteceu no último domingo, dia 24. Após um empate sem gols no tempo normal, o Tricolor de Aço venceu o Acerita nos pênaltis (4 a 2) e levantou o troféu da competição.

Voltaço anuncia a contratação do zagueiro Daniel

IMG_20160615_101328

O Volta Redonda anunciou nesta quarta-feira, dia 15, mais um reforço para a disputa da Série D do Campeonato Brasileiro. O zagueiro Daniel, de 24 anos, que estava no Madureira, chegou para reforçar o elenco tricolor na busca pelo acesso à Série C. O atleta já realizou os exames médicos e está treinando com o elenco.

Revelado pelo Madureira, Daniel foi um dos principais destaques da equipe durante o Estadual deste ano. No clube, ele participou das conquistas da Copa Rio de 2011 e a Taça Rio de 2015.

– Quero agradecer a recepção que todos no clube tiveram comigo. Espero corresponder a confiança que a diretoria depositou em mim e ajudar os meu companheiros nessa Série D. O time começou bem, com uma boa vitória fora de casa. Espero que possamos manter as boas atuações e conseguir o objetivo, que é o acesso à Série C – destacou.

O Tricolor de Aço volta a campo nesta segunda-feira, dia 20, para enfrentar a URT-MG. A partida está marcada para as 20 horas, no Estádio Raulino de Oliveira. Volta Redonda está no grupo A12 ao lado do Goianésia-GO, URT-MG e Desportiva-ES.

Luan é liberado e vai jogar no futebol europeu

O zagueiro Luan, capitão do Voltaço, recebeu uma proposta do Zimbru, da Moldávia, e pediu para ser liberado para se transferir para o clube europeu.

– O Luan fez um grande Estadual e o assédio em cima dele foi muito grande. Conseguimos cobrir algumas propostas e segurá-lo no primeiro momento, porém, chegou essa proposta muito alta do futebol europeu e não conseguimos cobri-la. O próprio atleta pediu para ser liberado em função de sua idade e por ser uma oportunidade única. Dessa forma, começamos a intensificar uma busca para reposição e quando apareceu a possibilidade do Daniel, um dos destaques do time do Madureira e há dois anos titular absoluto da equipe, nós fechamos a negociação – explicou o vice de futebol do Tricolor de Aço, Flávio Horta Júnior.

Cria da base do Voltaço, Luan retornou ao clube no final do ano passado, após uma rápida passagem pelo Tombense-MG, durante a disputa da Série C do Campeonato Brasileiro. Pelo Tricolor de Aço, Luan conquistou o título da Taça Rio deste ano.

Voltaço fará jogo-treino com o Tupi-MG

IMG_20160530_164312

Seguindo na preparação para a disputa da Série D do Campeonato Brasileiro, o Volta Redonda fará um jogo-treino contra o Tupi-MG nesta quarta-feira, dia 1, às 15 horas, no Estádio Dr. Francisco de Salles Oliveira, em Juiz de Fora.

Esse será o segundo jogo-treino que o Voltaço fará na sua intertemporada. Na semana passada, o Tricolor de Aço venceu o Nova Iguaçu por 2 a 1, no Estádio Jânio Moraes. 

A estreia do Voltaço na Série D será dia 12 de junho, contra o Goianésia-GO. A partida está marcada para as 16 horas, no Estádio Walmir Moraes

Voltaço perde para o Botafogo em São Januário

12903410_1120284431328027_732198845_o

O Volta Redonda foi derrotado pelo Botafogo na noite desta quarta-feira. Rodrigo Lindoso e Joel Carli marcaram os gols da partida, realizada em São Januário.

Apesar da derrora, o Voltaço se manteve no G4 do grupo C. Na próxima rodada, o Tricolor de Aço enfrenta o Vasco da Gama, domingo, dia 3, novamente em São Januário. A partida está marcada para as 16 horas.

O jogo

O primeiro gol da partida saiu logo nos primeiros minutos da primeira etapa. Rodrigo Lindoso, de pênalti, abriu o placar aos seis minutos de jogo. Porém, apesar do gol no início, o primeiro tempo demorou a ganhar em emoção.

As chances de gol começaram a aparecer apenas após os 30 minutos. Na primeira, Marcelo arriscou da entrada da área e Jefferson espalmou para o meio da área, mas a defesa do Botafogo afastou o perigo. Na sequência, a resposta dos donos da casa veio em um contra-ataque, mas Mota defendeu o que seria o segundo gol do Botafogo.

Nos minutos finais da primeira etapa, o Tricolor de Aço teve duas grandes chances de igualar o marcador. Na primeira, Niltinho recebeu pela direita e cruzou para Vinícius Pacheco que, por muito pouco, não desvia para o gol de dentro da pequena área. Na outra, Niltinho arriscou da entrada da área e a bola passou rente a trave esquerda de Jefferson, arrancando um “uh” da torcida tricolor presente.

Precisando do empate, o Volta Redonda começou o segundo tempo pressionando o adversário no campo de defesa, porém, sem conseguir criar chances claras de gol. Apenas após a parada técnica que o tricolor assustou o goleiro Jefferson. Niltinho levantou a bola na área e Tiago Amaral cabeceou com perigo. Entretanto, foi o Botafogo que marcou. Após cobrança de escanteio, Joel Carli ampliou a vantagem alvinegra aos 31 minutos da segunda etapa.

Com dois gols de vantagem, o Botafogo começou a tocar a bola esperando o fim da partida. Por sua vez, o Tricolor de Aço partiu em busca do seu primeiro gol na partida, porém, nada que mudasse o placar da partida. Fim de jogo em São Januário: Botafogo 2 x 0 Volta Redonda.

 

Campeonato Carioca 2016 – 4ª rodada da Taça Guanabara

Botafogo 2 x 0 Volta Redonda

(30/03/16 – Estádio São Januário – 19h30)

Volta Redonda: Mota; Luís Gustavo, Luan, Maílson e Cristiano (Lopes Tigrão); Bruno Barra, Marcelo e Vinícius Pacheco (Rafael Pernão); Niltinho, Hugo e Tiago Amaral. Técnico: Felipe Surian.

Gols: Rodrigo Lindoso e Joel Carli

Público presente: 1.043 (905 pagantes)

Fora de casa, Voltaço fica no empate com o Bangu

Voltaço empata em 1 a 1 com o Bangu em Moça Bonita
Voltaço empata em 1 a 1 com o Bangu em Moça Bonita
Voltaço empata em 1 a 1 com o Bangu em Moça Bonita

Pela sexta rodada do Campeonato Estadual, o Voltaço foi até Moça Bonita enfrentar o Bangu e ficou no empate em 1 a 1. A partida aconteceu na tarde desta quarta-feira, dia 24. Magno abriu o placar para os donos da casa aos 36 minutos do primeiro tempo e Tiago Amaral, aos 36 do segundo, empatou o jogo.

 

Com o resultado, o Tricolor de Aço se manteve a sexta colocação do grupo B, com sete pontos. O próximo desafio da equipe será na segunda-feira, dia 29, contra o Macaé, no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda/RJ.

 

Após o jogo, o técnico Felipe Surian analisou o desempenho da equipe.

 

“O resultado nos deixa na briga pela classificação ainda. Perdemos chances claras nos primeiro tempo que poderiam ter mudado a história da partida e, no segundo, construímos melhores jogadas, pressionamos mais e o Bangu pouco chegou, mas futebol infelizmente é assim. Agora é trabalhar para buscar a vitória em casa no próximo jogo, diante do Macaé”, disse o técnico.

 

O jogo

 

As duas melhores chances do Volta Redonda na etapa inicial saíram dos pés de Niltinho. A primeira aconteceu em uma cobrança falta perigosa na entrada da área. Já a segunda, após bela jogada individual, o atacante finalizou para a boa defesa do goleiro Célio Gabriel.

 

No entanto, os anfitriões saíram na frente. Após cobrança de escanteio, o atacante Magno abriu o placar aos 36 minutos.

 

O Volta Redonda voltou ligado na segunda etapa e criou boas oportunidades nos primeiros dez minutos. A blitz tricolor começou com uma cobrança de escanteio que gerou um bate-rebate dentro da área do Bangu, mas a defesa tirou quase em cima da linha. Pouco depois, Marrone finalizou por cima.

 

Bangu chegou a ter mais volume nos minutos seguintes e apostava no contra-ataque para aumentar a vantagem, mas Tiago Amaral teve a melhor chance na sequência. O centroavante recebeu na área, chutou e a bola caprichosamente passou rente à trave, saindo pela linha de fundo. O centroavante teve outra boa chance. Após receber cruzamento de Lopes, que substituiu Cristiano, o atacante se jogou na bola de peixinho e cabeceou para fora.

 

A insistência tricolor foi premiada aos 36 minutos. Niltinho, que passou a jogar como lateral-esquerdo após a entrada de Lopes, cruzou na medida para o artilheiro Tiago Amaral cabecear para o fundo das redes e deixar tudo igual, placar que encerrou o jogo em Moça Bonita.

 

Juniores

 

Já entre os juniores, partida preliminar ao duelo dos profissionais, o Voltaço perdeu para o Bangu por 3 a 1. O próximo compromisso da equipe pelo Estadual Sub-20 será na segunda-feira (29), diante do Macaé, às 17h15, no Estádio Raulino de Oliveira.

 

 

 

Campeonato Estadual 2016 – 6ª rodada

Bangu 1 x 1 Volta Redonda

(24/02/2016 – 16h – Estádio de Moça Bonita)

Volta Redonda: Mota; Marrone (Rafael Pernão, aos 39’/2ºt), Luan, Maílson e Cristiano (Lopes, aos 21’/2ºt); Bruno Barra, Marcelo e Dija Baiano; Hugo (Pedro, aos 32’/2ºt), Niltinho e Tiago Amaral. Técnico: Felipe Surian.

 

Gol: Tiago Amaral, aos 36’/2ºt

Cartões amarelos: Maílson, Bruno Barra e Niltinho